terça-feira, 14 de setembro de 2010

O que nos fez gostar do Japão

Falar do Japão nos dias atuais aqui no Brasil é falar um pouco de nosso dia a dia ,ainda mais depois do centenário da imigração japonesa em 18 de junho de 2008.Mas essa invasão nipônica se deu com muito esforço da comunidade japonesa no Brasil.Ainda assim muitos dos não descendentes como eu tem um amor latente por este pais que se difere de qualquer apego que as pessoas possuem por outros países como se em nosso interior tivéssemos algo muito íntimo de uma vida passada quem sabe.
Mas uma coisa que observei é que boa parte dessas pessoas vem de minha geração(anos 80),quando as primeiras sérias japonesas
Falar do Japão nos dias atuais aqui no Brasil é falar um pouco de nosso dia a dia ,ainda mais depois do centenário da imigração japonesa em 18 de junho de 2008.Mas essa invasão nipônica se deu com muito esforço da comunidade japonesa no Brasil.Ainda assim muitos dos não descendentes como eu tem um amor latente por este pais que se difere de qualquer apego que as pessoas possuem por outros países como se em nosso interior tivéssemos algo muito íntimo de uma vida passada quem sabe.
Mas uma coisa que observei é que boa parte dessas pessoas vem de minha geração(anos 80),época em que as primeiras séries japonesas como Jaspion,Jiraya,Jiban , Kamen Rider entre outros fizeram a infância de muitas crianças que mais tarde com a adolescência viriam a ser atraídas pela chegada dos animes e um pouco mais a frente nos dias atuais com o centenários se interessariam e aprender algo mais amplo dessa cultura que nos oferece tanto através da culinária que hoje esta presente nos supermercados , da musica japonesa que vem conquistando seu merecido espaço por aqui dentre tantas coisas
E ai depois de escrever tudo isso pergunto a vocês...o que esssas pessoas abaixo tem a ver com isso?








Essa é a The Kira Justice,banda de Porto Alegre que conheci em meados de 2008.Quando vi pela primeira vez tive certeza de que chegariam ao sucesso pois alem de tocarem percebi algo fundamental neles:a simplicidade...mas isso não no sentido de pensar pequeno..de jeito nenhum mas sim no jeito de ver o próximo de igual para igual.Nessa primeira vez já falei para Matheus Lynar do que tinha percebido pedi que continuassem sempre assim nessa bonito caminho.Hoje a TKJ é conhecida em âmbito nacional e fico muito feliz de saber que faço parte desta família.Como uma retribuição do tão bem que eles me fazem com suas letras me passando incentivo no dia a dia fiz uma tatuagem que podem conferir logo abaixo.Tanto quanto as músicas que fizeram minha infância quanto as que movem os jovens nos dias atuais a TKJ tem suas próprias canções e o mais interessante de tudo isso e você ir em um show deles ou ver na internet os vídeos pois estas canções próprias soa verdadeiros hinos decorados e cantado por todos que vão aos shows.A emoção que a banda passa para o público é única e tão gostoso quanto ver pessoas que além de ótimos profissionais são pessoas que logo depois de show estão ali conversar contigo,é ver que eles estão sempre buscando performace de palco.Além da TKJ Matheus Lynar possui sua carreira solo e normalmente ele que compões as canções,a voz do cara é muito bonita Diga se de passagem!
É o Japão a cada dia mais próximo de nós!


abaixo um pouco da história da banda:
Já se imaginou indo a um show de rock para curtir músicas de sucessos da TV que fizeram a sua infância, como a abertura do desenho Pokémon, ou a Marcha Imperial de Star Wars?

Essa é a proposta da banda porto alegrense The Kira Justice: O que marcou a infância da geração anos 80 e 90 na TV com uma dose de rock. As músicas de composição da banda também são todas inspiradas nesses clássicos.

Em apenas dois anos, a banda já se apresentou por vários estados brasileiros. Muitos desses shows são em eventos de anime, encontros entre fãs de animações japonesas que reúnem milhares de pessoas em suas edições.

O quarteto é um fenômeno na internet, superando os 70 mil ouvintes no site MySpace, além de milhares de fãs no Twitter e Orkut.

Contatos para shows podem ser feitos através do e-mail thekirajustice@gmail.com ou pelo telefone (51)84117248.
 Confira a abertura de Dragon Ball GT tocada pela TKJ.Reviva e se emocione!

2 comentários:

  1. Só de curiosidade: porque o nome Kira?
    A cidade vizinha a que moro chama-se Kira. É muito bonita, com belas praias, inclusive.

    bacana!

    ResponderExcluir
  2. Caro amigo Alexandre,Kira faz mensão ao anime Death Note.o Nome da banda é inspirado neste.

    ResponderExcluir